«

»

Apr 06 2016

Reabilitação perineal para os homens

Períneo-masculino

Quando o homem precisa de reabilitação perineal?

Pós prostatectomia

A maior procura desse tratamento pelos homens é após a prostatectomia.

É bastante comum que os homens fiquem com incontinência urinária e disfunção erétil após esta cirurgia. Isso se dá por causa da lesão do nervo pudendo e a reabilitação perineal tem excelentes resultados nesses casos, tanto na continência urinária quanto na função sexual.

Por ser uma lesão nervosa quanto mais cedo o tratamento começar melhores serão os resultados.

 

Ejaculação precoce

Nesses casos a reabilitação perineal atua através do ensino do relaxamento dos músculos perineais e ensinando o controle desses músculos.

O sistema nervoso parassimpático é responsável pela fase da excitação sexual, resultando na ereção do pênis (e ereção do clitóris e na lubrificação vaginal). O sistema nervoso simpático é responsável pelo orgasmo/ejaculação.

Para que o homem mantenha a ereção por mais tempo e não tenha a ejaculação é necessário que os músculos perineais estejam relaxados, pois sua contração inibe o sistema nervoso parassimpático e ativa o simpático.

 

Disfunção erétil

Através das alterações metabólicas, resultante da reabilitação perineal, é possível aumentar a irrigação sanguínea para a região pélvica, dando maior aporte sanguíneo para a ereção.

Assim como na ejaculação precoce, o homem com disfunção erétil deve ter mais controle dos músculos perineais e estes músculos devem estar RELAXADOS para que a ereção aconteça.

O sistema nervoso parassimpático é responsável pela fase da excitação sexual, resultando na ereção do pênis (e ereção do clitóris e na lubrificação vaginal). O sistema nervoso simpático é responsável pelo orgasmo/ejaculação.

Para que o homem mantenha a ereção por mais tempo e não tenha a ejaculação é necessário que os músculos perineais estejam relaxados, pois sua contração inibe o sistema nervoso parassimpático e ativa o simpático.

 

Incontinência urinária e fecal, algias pélvicas

Assim como as mulheres, os homens também podem ter tanto a incontinência urinária de esforço, como a de urgência; e algias pélvicas. Nesses casos o tratamento é feito da mesma maneira que é feito com as mulheres. A biomecânica da pelve masculina é a mesma da feminina.

 

Os tratamentos com o protocolo Reabilitação Perineal Ativa visam reabilitar os músculos do períneo para que ele seja capaz de realizar todas as suas funções, seja na mulher ou no homem.

A diferença é que nas mulheres o tratamento é feito com a sonda via vaginal e nos homens a sonda é via anal.

Procure um fisioterapeuta especializado e faça uma avaliação.